Início  >  Orçamentos em Curso  >  Propostas para Orçamento Participativo 2017  >  Amar os outros

3

Amar os outros

  1. Orçamento Participativo 2017
  2. Proponente: Marilia Guerreiro Alves da Silva

Proponentes: Associação Pais em Rede – Núcleo Litoral Alentejano e Associação de Pais e Encarregados de Educação do Agrupamento de Escolas de Vila Nova de Milfontes / S. Luís Áreas Temáticas – Educação e Ação Social O quê – Equipar Espaços de Estimulação Sensorial, Reabilitação Motora e Integração Social Equipar espaços de Estimulação e Integração SENSORIAL para apoiar, sem encargos financeiros, todas as famílias com filhos com Necessidades Educativas Especiais, bem como outras pessoas com necessidades da comunidade em geral. Todos estes espaços permitem a inovação na área da inclusão / reabilitação social e escolar. Implementação – Escola Básica de Vila Nova de Milfontes, Jardim de Infância de Vila Nova de Milfontes, Clube Desportivo Praia de Vila Nova de Milfontes e Casa de Povo de S. Luís (Centro Dia). No Agrupamento de Escolas de Vila Nova de Milfontes: - Criação de sala de Estimulação e Integração Sensorial aberta à comunidade; - Adaptar a Unidade de Multideficiência com equipamentos mais atuais e adequados às necessidades; - Restaurar / adpatar um WC para pessoas com mobilidade reduzida; - Aproveitamento da caixilharia existente nas arcadas da Escola antiga, colocando uma nova caixilharia leve para utilização de arquivo da escola; -Equipar o exterior do Jardim de Infância com equipamentos de estimulação sensorial. No Clube Desportivo Praia de Milfontes – Apetrechamento de sala com equipamentos de fisioterapia para utilização na reabilitação dos atletas do clube e todos os utentes da comunidade. Casa do Povo de S. Luís (Centro Dia) - Equipar Sala Social. A criação destes espaços visa colmatar as necessidades da comunidade em geral. A referir que só na freguesia de Vila Nova de Milfontes estão sinalizadas mais de 100 crianças com Necessidades Educativas Especiais que poderão beneficiar com a criação e adaptação destes espaços. Todos os espaços referidos anteriormente já existem, apenas são necessários os vários equipamentos que os tornem funcionais. Relativamente aos técnicos especializados nas diferentes áreas de reabilitação, já se encontram no terreno a apoiar a comunidade em geral. A estimulação sensorial é benéfica para todas as idades e diagnósticos tais como: Deficiência mental; Crianças hiperativas ou com alterações de comportamento; Depressão; Alzheimer; Perturbações de ansiedade; Crianças com problemas de desenvolvimento, Etc. A estimulação multissensorial através de variadas atividades individuais ou combinadas de diferentes instrumentos num espaço adequado: - Proporciona relaxamento, conforto e repouso; - Possibilita a exploração das necessidades e preferências; - Melhora a concentração, a atenção, a fala… ; - Facilita aprendizagens e a descoberta de emoções e reações; - Previne e aliviam a dor; - Facilita a aquisição de competências, libertos das exigências curriculares; - Favorece uma maior qualidade de vida. Para concluir pode-se afirmar que atualmente estes espaços estão em funcionamento em vários agrupamentos do país. Sendo esta estimulação realizada com recurso à música, sons, cores, efeitos luminosos, vibrações, sensações táteis e aromoterapia.

Valor estimado: 125.000,00€

29-06-2017
Selecionada

Transversal A


Municipio de Odemira
Praça da República
7630-139 Odemira

t : 283 320 900
f : 283 327 323
e : op@cm-odemira.pt

Membro da Rede Portugal Participa Logo